Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Attention

«I am the author of my life. Unfortunately, I am writing in pen and can not erase my mistakes.» - Bill Kaulitz

Book Store #445

"Cidade das Almas Perdida"

30.11.21 | twilight_pr

Cidade das Almas Perdidas book.jpg

NomeCidade das Almas Perdidas   |   Autor: Cassandra Clare  |   Editora: Editoral Planeta  | 

Saga: Saga dos Instrumentos Mortais (5º livro) |  Idioma: Português |   Protagonistas: Clary & Jace (se bem que para mim podia ser Magnus e Alec)   |    Pontuação média: 3.7 / 5

Tenho finalmente a saga dos Instrumentos Mortais completa! O grande desafio ao longo dos anos foi ter os livros com as capas correspondentes àquelas que tinha anteriormente. É uma seca quando de repente nem parece haver em qualquer lado as edições que até então tinhas andando a fazer. No entanto, graças ao Trade Stories finalmente tipo a oportunidade de conseguir os dois últimos livros que me faltavam.

Apesar de continuarmos com a história que anda em volta de Clary e Jace quero apenas deixar bem claro que não foi de todo o melhor livro da saga. Acho que foi aquele que menos gostei até e confesso que o anterior a este acaba por ser diferente porque começa a trabalhar aquilo que outrora era para ser uma trilogia.

A verdade é que continuamos com a história de Jace e Clary que afinal já não são irmãos, mas aqui temos um Jace meio que está a ser forçado mentalmente a seguir o irmão de Clary, aquele que de momento é realmente um demónio e que, portanto, é totalmente o oposto de Jace e de Clary. Uma das coisas que posso já afirmar que gostei bastante foi que apesar de ele estar claramente a ser manipulado era realmente como se as suas forças fossem superiores àquele controlo quando algo acontecia a Clary. Gostava disso a sério.

No final acabamos por nos centrar demasiado nesta história do Jace e de como ele parece ter passado para o lado inimigo e então acabamos por ficar assim meio que eh sem realmente saber as condições das coisas. Acho que das melhores coisas continua a ser o Magnus e o Alec, sem dúvida que é o meu casal favorito e acho que aos poucos começamos também a ver aqui realmente aquilo que vamos acabar por ter entre Simon e a Isabelle, porque ao longo dos livros sempre foi algo presente, mas não muito falado. Acho que agora vamos ter mesmo muito mais conteúdo a partir daqui.

Como é sabido, a saga dos instrumentos mortais não só tem adaptação cinematográfica, na qual entra Lilly Collins e Jamie Campbell Bower, mas contamos com uma série composta por quatro temporadas denominada Shadowhunters. Apesar de o filme apenas contar com a história que está contada no primeiro livro de Cassandra Clare, a série conta um bocadinho mais e acabamos já e tudo por ver esta parte da história com o irmão de Clary (o verdadeiro, não o Jace).

Deem uma oportunidade aos livros, na minha opinião são melhores que as duas adaptações, mas força nisso.

Pág. 1/24