Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Attention

«I am the author of my life. Unfortunately, I am writing in pen and can not erase my mistakes.» - Bill Kaulitz

Attention

«I am the author of my life. Unfortunately, I am writing in pen and can not erase my mistakes.» - Bill Kaulitz

23
Jul18

A minha vida como estudante universitária é está a 2/3!

twilight_pr

Era suposto ter feito este post há mais tempo do que sei lá o quê, no entanto, acabei por deixar andar porque um dos meus professores decidiu que era mais fixe não cumprir com os prazos das entregas das notas, mas enfim.

É estranho pensar que acabei o meu segundo ano da faculdade e que para o ano letivo que vem, este já será o meu último ano da faculdade. Isso é ainda mais estranho, confesso. Pensar que este ano foi a diferença entre ser caloira e ser finalista. Deixa-me realmente com calafrios pensar nisso tudo. Pensar que ainda em 2016 terminei o meu secundário e que agora já estou a pensar que este ano que vem, vai ser já o meu último ano de licenciatura, se tudo correr bem.

No ano passado, tinha-vos dito que terminei o meu primeiro ano de faculdade com 8 cadeiras completas, infelizmente tinha deixado duas cadeiras por fazer e continuo a afirmar que a culpa não foi de todo minha. Não gosto de injustiças e não vou mentir a dizer que não as sofro apenas porque sou eu: nessas duas cadeiras sei perfeitamente que fui injustiçada. 

Este ano, voltei a inscrever-me nessas duas cadeiras que tinha deixado para trás e tentei ao máximo fazer as coisas todas corretas. O mais estranho foi saber que o esforço foi o mesmo e que o rendimento acabou por ser totalmente diferente. Num deles, a diferença de um semestre para o outro tinha sido de 8 valores! Isso é que é totalmente estranho, porque não acho nada normal que um professor chumbe uma pessoa para que depois ela vá fazer a cadeira novamente e que ela consiga subir 8 valores assim de repente. Quando esse primeiro professor apenas te nega uma reunião para entenderes a nota, sabes perfeitamente que foste injustiçada e sabes que não podes fazer nada quando ele no ano letivo seguinte já nem está na faculdade.

Este ano as coisas foram melhores que o primeiro ano, para além de ter conseguido passar às duas cadeiras que tinha deixado para trás, consegui passar a todas as cadeiras deste ano, com exceção de uma que continuo a tentar descobrir a minha nota, mas que o meu professor nem se digna a responder-me à porcaria dos emails que lhe mando. Assim sendo, passei até então às 19 cadeiras que tinha durante dois anos de licenciatura e que para o ano já me faltarão apenas mais 10. 

Volto a dizer que é estranho que já tenha passado dois anos da minha licenciatura e é mais estranho ainda pensar que por volta desta altura em 2019, eu já estarei totalmente licenciada. O tempo passa realmente depressa e espero que este meu último ano corra melhor que todos os outros e que não haja problemas e que entretanto o meu professor que me dê a sua nota. É aproveitar o verão neste momento, mas até lá... vou começando a entrar em pânico aos poucos por saber que vou entrar no meu ano de finalista. 

O pior é saber o que vou fazer depois disso. 

3 comentários

Comentar post

Sobre mim

foto do autor

Pesquisar

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.