Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Attention

«I am the author of my life. Unfortunately, I am writing in pen and can not erase my mistakes.» - Bill Kaulitz

Attention

«I am the author of my life. Unfortunately, I am writing in pen and can not erase my mistakes.» - Bill Kaulitz

twilight_pr

Manner of Death.jpg

Episódios: 14 |  Duração de Episódio: 45 min | Género: Romance, Thriller | Temporadas: 1 | Idioma: Tailandês | Protagonistas: Wiraphong Inkhamwiang / Tutor Tan, Bunnakit Songsakdina / Dr. Bun

Adorei, mas adorei tanta esta série que não conseguem perceber. Acho que acaba por ter tudo no right amount em termos de romance e de próprio mistério. 

Bunnakit (Bun) é um médico legista num hospital e depois de ter feito uma autópsia num corpo de uma mulher, que aparentemente era suicídio entendeu que afinal tinha tudo para ser mesmo um caso de homicídio. As suas deduções por conta daquilo que o corpo lhe contou leva a que ele seja um alvo a abater por alguém mesmo muito importante e poderoso que não queria que se soubesse. Apesar do descargo de consciência inicial, Bun entendeu que as coisas eram a sério quando um desconhecido entra na sua casa e ameaça-o para que mude o relatório da autópsia para suicídio de forma a que o caso seja arquivado e mais ninguém pense nesse assunto. 

Todavia, mesmo com a ameaça Bun segue em frente e está pronto para conseguir ir em frente sem mudar nada em relação ao que tinha escrito sobre a causa da morte daquela mulher. As suas escolhas adensam o mistério especialmente quando um dos amigos de Bun (o prossecutor) desaparece misteriosamente. Assim, Bun começa a sua própria investigação de forma a conseguir chegar à verdade do porquê de estar a ser um alvo e o porquê de ser tão importante que aquela morte seja tida como suicídio. 

Desde o início da nossa história que começamos a trabalhar a descobrir quem é o culpado pela morte da mulher e desde essa altura que Bun acaba por ter um grande suspeito: Tan. Tan obviamente que nega que teve algum envolvimento e depois de algum momento os dois juntaram-se de forma a conseguir mesmo juntar-se enquanto equipa para encontrar quem era o verdadeiro culpado.

Os dois são realmente qualquer coisa juntos e confesso que gosto profundamente do Tan e do seu sangue frio. Os dois juntos conseguem mesmo ter uma grande química e apesar de tudo não esquecem o mundo que os rodeia e sabem perfeitamente as condições em que se conheceram e o porquê de se terem juntado. No entanto, eles também não podem esconder os sentimentos que nutrem um pelo outro. Isso é algo que não podem mesmo fazer.

Tem 14 episódios e sinto que acontece tanta coisa em tão pouco tempo especialmente porque também não são episódios muito grandes - tem a duração normal. Assim se nota as coisas mesmo a sério e acho que as coisas também foram bem encaminhadas para não deixar pontas soltas em tudo o que estava a ser desenvolvido nesta história.

Assim deixo-vos com o trailer: